O que você espera do seu futuro?" Li em um outdoor de universidade enquanto procurava uma cafeteria aberta as quatro da manhã. A solidão tem gosto de.café. Quem foi o desajustado que escreveu isso? Em um outdoor do tamanho da minha sala de estar? O que eu espero? Amigo eu não espero nada, não se pode "esperar" nada, nunca, de ninguém. Você não lê jornais ou televisões? Todo dia alguém ganha na loteria, ou descobre petróleo no quintal de casa, ou encontra o amor de uma vida inteira na fila do pão. O que eu espero? Eu espero ter apenas saúde pra levantar de manhã e paciência pra aguentar tanta gente da classe de pessoas que dizem "bom-dia-florrrr" às seis da manhã. Sem essa de pular onda, comer uva, usar branco em virada de ano, cruzar os dedos, usar verde. Que o ano, o mês, os novos dias não me tragam nada, o que eu quiser eu mesmo vou buscar. No máximo um pai nosso numa segunda-feira chuvosa. O que vier eu tiro de letra. Não vou tirar o pé do acelerador, e ainda peço pra Deus mandar mais, o que vier eu mato no peito. Imagine só ter medo do futuro? Imagine pedir um príncipe encantado e só me mandarem o cavalo, ou o emprego dos sonhos e me fizerem parar dentro de um mercado de bairro trabalhando de domingo a domingo. Morrer antes de levar o tiro? Se molhar antes de ver a chuva cair? Meu bem, eu sou igual a tomé, só acredito vendo. Eu tenho medo sim, medo de um futuro mais ou menos, de uma vida mais ou menos, de ser mais ou menos, de ser menos. Eu não espero pelo futuro, ninguém espera, porque se ele se atrasar você vai fazer o que? Continuar sentado? Eu não espero, eu não me importo, eu meto a cara na lama, eu sofro, eu choro, eu tomo dorflex porque coração também é um músculo, eu agarro a minha vida pelo rabo, aos 47 do segundo tempo. Eu sangro, mas eu também.cicatrizo.
Ciceero M.  (via thiagopolycarpo)
Era bom ser sozinho, sem nenhuma expectativa ou decepções, mas as vezes sentia falta, falta de não ter por que lutar, ou um por quem lutar.
Partilhada  (via thiagopolycarpo)
Eu gostava tanto de você. Do seu jeito de falar manso. Da maneira como as palavras que saíam da sua boca dançavam alucinadas no meu ouvido. Da forma como as suas mãos sempre quentes tocavam o meu corpo. Do seu olhar que me arrepiava por dentro e por fora. E que fazia com que eu me sentisse a pessoa mais especial do universo inteirinho. Era isso: você fazia com que eu me sentisse diferente de todas as outras.
Clarissa Corrêa.  (via reinverbos)
Hoje eu preciso tomar um café, ouvindo você suspirar, me dizendo que eu sou o causador da tua insônia, que eu faço tudo errado sempre.
Jota Quest.   (via desnortiada)
Uma necessidade absurda de ir para um lugar que eu nem imagino qual seja.
Tati Bernardi.     (via reatou-se)
Eu só queria que a sociedade me deixasse relaxado, pra poder plantar em casa o meu baseado. Não ter que comprar, porque eu não tenho grana e acho errado ter que pagar por grama, o que poderia estar crescendo no meu quintal.
Mc Eltin (via rap-e-minha-viagem)
E sem ligar pras consequências, eu amei você.
Latejado.  (via distancializando)
Quem briga se ama.
Desconhecido. (via o-teimoso)
Meu único problema é estar sóbrio.
Bukowski    (via reatou-se)

o-teimoso:

você me tem
como o vício
tem a droga. 

Eu só queria que a sociedade me deixasse relaxado, pra poder plantar em casa o meu baseado. Não ter que comprar, porque eu não tenho grana e acho errado ter que pagar por grama, o que poderia estar crescendo no meu quintal.
Mc Eltin (via rap-e-minha-viagem)
Se você elogiar os olhos de um menino, ele vai se sentir estranho, porque nunca ninguém notou isso nele. Se você elogiar o sorriso de um menino ele vai passar a sorrir todos os dias, por causa disso. Se você elogiar a voz de um menino, ele vai passar o dia ensaiando cada palavra que dirá quando vocês se encontrarem. Se você elogiar o amigo dele, mais tarde ele vai aparecer com uma roupa parecida, o mesmo corte de cabelo e provavelmente até o mesmo perfume. Elogios tem o seu poder, enfim.
Matheus Ovando. (via reclinado)
http://zz »